Minha clínica Veterinária ou pet shop precisam trabalhar com SAT, NFC-e ou NF-e?

 

 
Para entender melhor sobre este assunto, vamos primeiro a um breve resumo sobre nota fiscal (NF-e):

 
Antigamente emitir nota fiscal era bem simples, o comerciante emitia a nota fiscal, ficava com uma via e entregava a outra a seu cliente, a via que ficava com a empresa era entregue a um contador e tudo era feito a mão, na caneta mesmo, se é que me entendem. Esse processo durou até o ano 2000.

 
Então, se ainda hoje, o seu pet shop ou sua clínica veterinária utilizam esse tipo de nota fiscal, podemos dizer que estão bem atrasados, tecnologicamente falando.
No início do ano de 2007, o Governo Federal instituiu a Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) no projeto do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED).

 
A NF-e visa documentar, ou melhor, registrar/deixar registrado todo tipo de comercialização de produtos e prestação de serviços. A principal diferença entre a nota fiscal antiga e a nota fiscal eletrônica é que agora os documentos ficam armazenados de maneira eletrônica. O que facilita muito a vida do usuário e do prestador de serviços, pois poderão ter acesso a nota de qualquer lugar acessando o site da Receita.

Pronto!

 
Agora que sabemos o que é nota fiscal, veremos o que é NF-e:
Como falado anteriormente, é um meio de armazenar de forma eletrônica as informações referente as operações realizadas em sua clínica veterinária ou em seu pet shop, sobrea circulação de mercadorias e prestação de serviços. Embora algumas pessoas vejam a Nota Fiscal Eletrônica como sendo um documento um pouco burocrático, por conter informações tanto do cliente quanto dos fornecedores ela deve ser uma ferramenta indispensável dentro de sua clinica ou pet.

 
A NF-e é representada por um arquivo XML (arquivo padrão de registro na NF-e, em outras palavras, é a Nota Fiscal de fato) e é identificada por uma Chave de Acesso de 44 dígitos. Esses arquivos deverão ficar guardados por no mínimo 5 anos, pois a Receita Federal poderá solicita-los.

 
De maneira simplificada, a empresa emissora de NF-e gerará um arquivo eletrônico contendo as informações fiscais da operação comercial, o qual deverá ser assinado digitalmente, de maneira a garantir a integridade dos dados e a autoria do emissor. Este arquivo eletrônico, que corresponderá à Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), será então transmitido pela Internet para a Secretaria da Fazenda de jurisdição do contribuinte que fará uma pré-validação do arquivo e devolverá um protocolo de recebimento, sem o qual não poderá haver o trânsito da mercadoria.

Mas como faço para que a minha clínica veterinária ou meu pet shop possa emitir Nota Fiscal?

Primeiramente você deverá se inscrever no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e registrar sua Clinica ou pet shop. Após realizar esse procedimento e finalizar todo o processo você poderá emitir notas fiscais, e ainda terá a facilicidade de poder consultá-las no site da Receita, que as mantém salvas por até 180 dias.
Para isso você deverá obter também um certificado digital e Instalar o software (programa) em um computador de sua empresa.

NFC-e

A Nota Fiscal de Consumidor Eletrônico possibilita ao consumidor a conferência da validade e autenticidade do documento fiscal recebido, veio para simplificar e ajudar tanto o cliente como o comerciante, pois as informações de venda são transmitidas em tempo real para a Secretaria da Fazenda e podem ser acessadas a qualquer momento. Por isso para usar esse sistema tem que estar conectado a internet.

Para emissão da NFC-e é nenecessário seguir os mesmos passos para a amissao da NF-e, ou seja, é preciso ter CNPJ e certificado digital e a empresa precisa estar cadastrada como emitente de nota fiscal eletrônica e com a inscrição estadual regularizada.
A NFC-e tem inúmeras vantagens, dentre elas, dispensa de homologação do software pelo FISCO e o uso de impressora não fiscal, térmica ou a laser, ou seja, não tem a necessidade de ter em sua clinica, hospital veterinário ou pet shop uma impressora fiscal para impressão das notas e  não há necessidade de autorização prévia do equipamento que será utilizado dentro de seu estabelecimento.

 
SAT ou SAT/CF-e

O Sistema Autenticador e Transmissor de Cupons Fiscais Eletrônicos é usado para documentar de maneira eletrônica todos os arquivos e operações do comércio de varejo no Estado.
Algumas empresas são obrigadas a emitir o SAT, mas podem substituí-lo pela NFC-e, modelo 65, desde que, observe a legislação a respeito do documento.

Saiba mais em:

http://www.nfce.fazenda.sp.gov.br/NFCePortal/Paginas/DuvidasFrequentes.aspx

 
Agora que você já sabe para que serve e como funciona esses módulos fiscais é só consultar o seu contador e verificar com ele qual deles seria melhor para sua clínica ou pet shop, sendo que, para usar qualquer um deles você precisará de um sistema que seja capaz de gerar e emitir essas notas e que, além disso, deixe a sua empresa livre de problemas com o FISCO.

O Vetnnet surgiu da demanda de médicos veterinários e lojas de pet-shops por um software que fosse desenvolvido exclusivamente para esse segmento. Com ele você terá como trabalhar com algumas das notas citadas acima, ele é um sistema completo, que já está no mercado a mais 15 anos e possui clientes em diversos lugares do Brasil, ou seja, não é um produto novo no mercado que está ainda em fase de teste ou adapatação.
Ficou interessado?
Então venha conhecer todas as vantagens que o Vetnnet tem para você, sua empresa e seus clientes, basta  Clicar aqui .

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s